• Patrícia M. Menezes

A Educação Ambiental e as Emergências Climáticas

Atualizado: Jan 28


O Diálogos sobre Gestão Ambiental Municipal de hoje abordou a importância da Educação Ambiental para a mitigação e adaptação aos impactos das emergências climáticas. Andreia Monteiro apresentou as ações desenvolvidas pela Coordenadoria de Educação Ambiental da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Estado do Pará (SEMAS) para promover a educação ambiental não formal no estado. Ela também destacou que o combate às mudanças climáticas é uma agenda prioritária do Governo do Estado e que a Política Estadual sobre Mudanças Climáticas foi instituída recentemente por meio da Lei N° 9.048/2020. Raphael Sereni abordou a relação entre gestão de resíduos e mudanças climáticas, ressaltando os ODS 11, 12 e 13. E Alessandra Azevedo abordou como as mudanças climáticas impactam a biodiversidade, em especial o ODS 15. Devido ao limite de participantes da plataforma de videoconferência, os 144 municípios paraenses foram divididos em três grupos. O evento de hoje foi destinado aos municípios do Grupo 2: Afuá, Anajás, Bagre, Breves, Cachoeira do Arari, Chaves, Curralinho, Gurupá, Melgaço, Muaná, Ponta de Pedras, Portel, Salvaterra, Santa Cruz do Arari, São Sebastião da Boa Vista e Soure, Abaetetuba, Acará, Baião, Barcarena, Cametá, Igarapé-Miri, Limoeiro do Ajuru, Mocajuba, Moju, Oeiras do Pará e Tailândia, Augusto Corrêa, Bonito, Bragança, Cachoeira do Piriá, Capanema, Nova Timboteua, Peixe Boi, Primavera, Quatipuru, Salinópolis, Santa Luzia do Pará, Santarém Novo, São João de Pirabas, Tracuateua e Viseu.

10 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Parceria Institucional