Simpósio Internacional de Meio Ambiente

De 21 a 25 de agosto, ocorreu o Simpósio Internacional de Meio Ambiente, em Presidente Prudente/SP. O evento foi promovido pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE) - por meio do curso de Mestrado em Meio Ambiente e Desenvolvimento Regional (MMADRE) e dos cursos de Mestrado e Doutorado em Agronomia - em parceria com a Coordenação de Aperfeiçoamento de Nível Superior (Capes) do Ministério da Educação (MEC) e a Rede ODS Brasil. A programação do evento foi composta por conferências e discussões, mesas-redondas, workshops, sessão de pôsteres e apresentações orais de pesquisadores da Argentina, Brasil, Espanha, Itália e Venezuela. Simultaneamente, o

Qual o papel das Engenharias e da Agronomia na implementação da Agenda 2030?

Qual o papel das Engenharias e da Agronomia na implementação da Agenda 2030? Este foi o foco do Painel Agenda 2030 - ONU, realizado dia 23, no âmbito da 75ª Semana Oficial da Engenharia e da Agronomia (SOEA), em Maceió/AL. A atividade foi uma iniciativa da Rede ODS Brasil - por meio da Associação de Engenheiros Agrônomos do Distrito Federal (AEA-DF), que também moderou o debate - e teve como painelistas a Secretaria de Governo da Presidência da República (SEGOV) e a Rede ODS Brasil, representada pela Prefeitura de Barcarena/PA. A SOEA é realizada anualmente e reúne engenheiros, agrônomos, meteorologistas, geólogos, geógrafos, técnicos e tecnólogos de todo o país para debater temas diretament

Energia Renovável em pauta nas Instituições de Ensino da Paraíba

No dia 22/08/2018, a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) promoveu um encontro de Instituições de Ensino do estado. A atividade, realizada em Patos/PB, teve a participação de pesquisadores e pesquisadoras da UEPB - Campis Patos e Campina Grande; da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) - Campus João Pessoa; da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) – Campis Pombal e Patos; e do Instituto Federal da Paraíba (IFPB) - Campis João Pessoa, Princesa Isabel, Patos e Sousa. A UEPB apresentou o projeto UniverCidades e o Comitê de Energias Renováveis do Semiárido (CERSA) proferiu a palestra Gestão Social das Energias Renováveis. Em seguida, ocorreu uma reunião com os pesquisadores e as pesq

Produção de conhecimento como ferramenta de localização da Agenda 2030

O Preâmbulo da Agenda 2030 destaca que para que ela tenha êxito, é essencial que cada país implemente políticas públicas e legislações que garantam as condições necessárias para que suas Metas sejam cumpridas. Neste contexto, as parcerias entre os Governos e as Instituições de Ensino Superior (IES) são fundamentais, já que as IES podem fomentar o desenvolvimento local por meio da produção de conhecimento que qualifique a elaboração de políticas públicas; do desenvolvimento de tecnologias sociais; etc. A Rede ODS Pará tem realizado algumas ações com este foco, envolvendo a Prefeitura de Barcarena e a Universidade Federal do Pará (UFPA). Em maio, docentes e discentes do Programa de Pós-Graduaç

Simpósio Nacional de Fortalecimento do Sistema de Garantia de Direitos Humanos de Crianças

A Etapa Norte do Simpósio Nacional de Fortalecimento do Sistema de Garantia de Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes ocorreu de 07 a 10 de agosto, em Barcarena/PA. Com o tema "Articulando o Sistema de Garantia de Direitos", o evento promoveu a articulação de profissionais do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), do Sistema Único de Saúde (SUS) e da Educação com Conselheiros Tutelares e de Direitos visando aprimorar os conhecimentos sobre direitos humanos de crianças e adolescentes entre os atores que estão vinculados aos três eixos do Sistema de Garantias: Defesa, Promoção e Controle Social (Resolução CONANDA 113/2006); e fortalecer os Conselhos Tutelares e de Direitos por meio d

Propostas para alcançar o ODS 17

O ODS 17 aponta a mobilização de recursos; a transferência de tecnologia; o intercâmbio de dados e capital humano; a assistência oficial ao desenvolvimento; a cooperação regional e internacional; o desenvolvimento de capacidades em ciência, tecnologia e inovação; o aumento da estabilidade macroeconômica global; a coerência das políticas para o desenvolvimento sustentável; entre outras medidas como meios de implementação da Agenda 2030. Para isso, as parcerias públicas, público-privadas, privadas, e com a sociedade civil são essenciais. Para alcançar o ODS 17, a Rede ODS Brasil propõe: Constituir uma Mesa Federativa Plena, envolvendo os três níveis de governo - Federal, Estadual e Municipal -

Segundo dia da Oficina de Monitoramento e Avaliação da Localização da Agenda 2030 no Brasil

O segundo dia da Oficina deu continuidade aos debates sobre indicadores de sustentabilidade e definiu os próximos passos do GT Acompanhamento de Progresso da Agenda 2030. Parte do dia também foi destinada ao compartilhamento de Boas Práticas. As Prefeituras de Ananindeua/PA e Jaguariúna/SP e o Governo do Maranhão apresentaram suas experiências em localização da Agenda 2030. A Escola Nacional de Administração Pública (Enap) apresentou a exposição virtual ODS e Políticas Públicas no Brasil, o Curso de Pós-Graduação Lato Sensu: Especialização em Gestão Pública com Ênfase em Governo Local e um estudo que está sendo desenvolvido sobre imigrantes nos municípios brasileiros. Já a Confederação Nacio

Primeiro dia da Oficina de Monitoramento e Avaliação da Localização da Agenda 2030 no Brasil

Começou hoje, em Brasília, a Oficina de Monitoramento e Avaliação da Localização da Agenda 2030 no Brasil. A mesa de abertura foi composta por: Escola Nacional de Administração Pública (ENAP); Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD); Rede ODS Brasil, representada pela Prefeitura de Barcarena/PA; e Secretaria de Governo da Presidência da República (SEGOV-PR), representada pela Secretaria Nacional de Articulação Social (SNAS). Em seguida, foram apresentadas Experiências de Localização da Agenda 2030 em quatro níveis: Federal, Estadual, Territorial e Municipal. O Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão apresentou o trabalho desenvolvido em todos os Ministérios para

Propostas para alcançar o ODS 16

O ODS 16 almeja combater todas as formas de violação dos direitos humanos; promover o Estado de Direito e assegurar o acesso a justiça para todas as pessoas; combater o crime organizado e a corrupção; desenvolver instituições responsáveis, eficientes e transparentes que assegurem a tomada de decisão responsiva, inclusiva, participativa e representativa; o acesso público a informação; dentre outros pontos. Para alcançar o ODS 16, a Rede ODS Brasil propõe: Aprovar o Projeto de Lei (PL) N° 9.617/2018, que institui a gestão compartilhada, destinada ao acompanhamento orçamentário, financeiro e físico da execução de obras, da prestação de serviços públicos e da aquisição de materiais e equipamento

Parceiros Institucionais

círculo_branco.jpg